Galeria e Mdia

Page tools
Imprimir
Favorito   
Exibir no

Dengue a preveno est em suas mos

As cidades brasileiras tm registrado, desde o incio de 2013, inmeros casos de incidncia de dengue, apontando para o risco de epidemias da doena em vrias regies. De acordo com o ltimo Levantamento de ndice Rpido de Infestao por Aedes aegypti (LIRAa), anunciado pelo Ministrio da Sade em 25 de fevereiro, o nmero de casos de dengue no Brasil no comeo de 2013 quase triplicou em relao ao mesmo perodo de 2012.  Apesar de os casos graves terem diminudo 44% e o nmero de mortes reduzido em 20%, a elevao na quantidade de casos de dengue se deve a circulao de um novo tipo da doena, o DEN 4. Um dos quatro tipos de dengue existentes no pas e, segundo o levantamento, responsvel por mais de 52% das amostras verificadas nos casos confirmados da doena.

De acordo com o secretrio de Vigilncia em Sade do Ministrio da Sade, Jarbas Barbosa, este novo tipo do vrus foi identificado no final de 2010, o que torna a populao suscetvel ao novo vrus, ocasionando aumento significativo no nmero de casos. Segundo o secretrio, o DEN 4 j circula praticamente em todos os estados do Brasil.

A maior parte dos focos de dengue encontrada em residncias, o que torna a tarefa de combate ao mosquito uma responsabilidade que deve ser compartilhada por cada cidado.  O mosquito s se reproduz em locais que tm gua parada. Se no forem tomados os devidos cuidados para evitar o acmulo de gua em recipientes, toda casa corre o risco de se transformar em foco para o Aedes aegypti, colocando em risco a sade de toda a vizinhana. Por isso a luta contra a dengue deve ser um combate dirio.
Entendendo a dengue

A dengue uma doena causada por vrus, que provoca febre alta e repentina. Existem, no mundo, quatro tipos de vrus que provocam a dengue: DEN 1, DEN 2, DEN 3 e DEN 4.

Todos eles causam os mesmos sintomas. Mas quando uma pessoa pega um tipo de vrus, fica imunizada somente contra ele. Dessa forma, uma mesma pessoa pode pegar dengue at quatro vezes, se for picada por mosquitos infectados com diferentes tipos de vrus. A doena pode se manifestar de duas formas no organismo, denominadas como dengue clssica e dengue hemorrgica.

A dengue clssica a manifestao mais comum da doena, sem complicaes, em que o paciente apresenta sintomas como febre alta (39C a 40C), de incio repentino, seguida de dor de cabea, dores no corpo, prostrao, dores nas articulaes, dor no fundo dos olhos, nuseas, vmitos, entre outros. Em alguns casos, podem ocorrer alteraes neurolgicas, disfuno cardiorrespiratria, insuficincia heptica, acmulo de lquido nas cavidades corporais (ascite), entre outras manifestaes.

A dengue hemorrgica a manifestao mais grave da doena. Os principais sinais de dengue hemorrgica ocorrem entre o 3 e 4 dia aps o incio dos sintomas, quando a febre abaixa. Neste momento, aparecem sinais como sangramentos espontneos, manchas arroxeadas na pele (que evidenciam fragilidade dos vasos sanguneos), vazamento de plasma sanguneo dentro das veias e artrias para as cavidades corporais. Alguns sinais de dengue hemorrgica s podem ser detectados por exames laboratoriais, como queda da quantidade de plaquetas (responsveis pela coagulao do sangue) e aumento do hematcrito, que revela a concentrao de clulas vermelhas, ou seja, o espessamento do sangue.

O vrus transmitido pela fmea do mosquito Aedys aegypti infectada. Por isso, a forma de preveno contra a doena o combate aos focos do mosquito da dengue, evitando que ele se reproduza.
Como combater o Aedys aegypti

O Aedys aegypti deposita os seus ovos em locais com gua parada, onde a larva se desenvolve at se tornar um mosquito adulto. Este ciclo de desenvolvimento leva de 8 a 10 dias e, depois que chega fase adulta, o mosquito vive at 30 dias. Os ovos do mosquito conseguem sobreviver at 450 dias sem gua. Como no existe vacina contra o vrus da dengue, a atuao para combater a doena eliminando os criadouros dos mosquitos. Confira as dicas:

- No deixe gua acumulada em latas, embalagens, copos plsticos, tampinhas de refrigerante, pneus velhos, vasinhos de plantas, jarros de flores, garrafas, sacos plsticos, lixeiras, e qualquer outro tipo de recipiente.
- Coloque o lixo em sacos plsticos e mantenha a lixeira sempre bem fechada.
- Encha de areia, at a borda, os pratinhos de plantas, evitando o acmulo de gua.
- Mantenha a caixa dgua bem fechada.
- Mantenha as calhas limpas, possibilitando o escoamento da gua das chuvas.
Tratamento

O tratamento da dengue de suporte, para alvio dos sintomas, reposio de lquidos perdidos e manuteno da atividade sangunea. A pessoa deve manter-se em repouso, beber bastante lquido (especialmente gua e soro caseiro) e s usar medicamentos prescritos pelo mdico, para aliviar as dores e a febre. 

Ao observar o primeiro sintoma, procure imediatamente o Centro Clnico da Abeb ou um Posto de Sade mais prximo. Somente um mdico poder diagnosticar a dengue e receitar medicamentos para alvio dos sintomas.

Fonte: http://portal.saude.gov.br/