O que fazer em caso de sintomas gripais?

 
 

Principais dúvidas

  • Tanto a Covid-19 quanto a influenza causam sintomas muito semelhantes, sendo difícil diferenciá- los sem a realização de testes específicos. No geral, o quadro clínico é de febre (podendo ser febre alta), calafrios, dores musculares, tosse, dor de garganta, intenso mal-estar, perda de apetite, coriza, congestão nasal, irritação nos olhos (conjuntivite viral) e dor de cabeça. A perda de olfato e paladar é mais comum na Covid-19, entretanto, também pode acontecer em casos de influenza.

     
  • Sim! Nenhuma vacina existente no mercado hoje é capaz de nos impedir de contrairmos as doenças, mas contribuem consideravelmente para que tenhamos uma doença mais branda. Todas elas servem para “ensinar” nosso corpo a combater as doenças, evitando-se, assim, o agravamento delas. Dessa maneira, apesar de infectado e doente, na grande maioria dos casos, os vacinados evoluem bem e com formas leves, tanto da Covid-19 quanto da gripe.

     
  • Infelizmente sim. Pode ocorrer coinfecção de Covid-19 e Influenza, assim como por Covid-19 e outros vírus simultaneamente.

     
  • Tanto nos casos de suspeita da Covid-19 quanto de Influenza, as medidas são as mesmas: buscar uma orientação médica, realizar teste para diagnóstico quando necessário,, manter isolamento social do prazo recomendado, repouso, hidratação oral e alimentação saudável. Medicamentos para febre e dor também podem ser utilizados, se necessário, mas com acompanhamento médico.

     
  • O mais importante é se manter em isolamento após o contato com casos de Covid-19 confirmados e entrar em contato com a Abertta Saúde ou com a Medicina Ocupacional da sua unidade. Nós fazemos o acompanhamento dos nossos empregados e dependentes e direcionamos para testes, quando necessário.
    Em relação à Influenza, o teste específico só é indicado nos casos graves, com pacientes hospitalizados. Sendo assim, se após o contato a pessoa se mantiver assintomática, não há necessidade de isolamento.

     
  • É importante procurar o pronto atendimento sempre que apresentar falta de ar ou dificuldade para respirar, lábios ou ponta dos dedos com coloração arroxeada (cianose), dor no peito, tonturas, desmaios, vômitos persistentes, não aceitação de líquidos ou convulsão. Para os demais casos, a Abertta Saúde conta com o serviço de orientações pelo WhatsApp (EuSaúde) e teleatendimento (Pronto atendimento online e Teleatendimento CPS), não sendo necessário a procura imediata de atendimento hospitalar em casos de sintomas mais leves.
    Na dúvida, procure primeiro os canais de atendimento online e, havendo necessidade, será feita a orientação sobre a consulta médica presencial.

     
  • Em primeiro lugar: vacinação. As vacinas são capazes de proteger contra as formas graves das doenças, sendo fundamentais para evitarmos hospitalizações e óbitos. Outras medidas que devemos manter são as já conhecidas por todos nós:

    • Lavar as mãos com água e sabão ou usar álcool em gel;
    • Usar máscara facial cobrindo boca e nariz;
    • Cobrir o nariz e boca ao espirrar ou tossir;
    • Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;
    • Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
    • Manter os ambientes bem ventilados;
    • Evitar contato próximo a pessoas que apresentem sinais ou sintomas de gripe;
    • Evitar sair de casa em período de transmissão da doença;
    • Evitar aglomerações e ambientes fechados;
    • Adotar hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos.